Sentimentos

Você come mais emoções que as sente e nem se deu conta disso

Você come mais emoções que as sente e nem se deu conta disso

5 minutos Nós já estamos na era em que as emoções mediatizadas suplantam as emoções reais. É o que constato eu, aqui, na megalópole. Pelo menos quanto ao tempo linear, passamos  mais tempo vivenciando emoções através da mídia que através de experiências nossas, presenciais. A cada dia que passa, vejo o quanto já estamos vivenciando o way of life do filme Wall-E (Disney/Pixar 2008). No filme, após entulhar a Terra de lixo e poluir a atmosfera com gases tóxicos, a humanidade deixou o planeta Continue lendo

Quando soltamos o MEDO ganhamos o SONHO

Quando soltamos o MEDO ganhamos o SONHO

3 minutos Você já pensou que talvez todo o medo que você tenha seja apenas decorrente de uma impossibilidade sua de ver além? Que não passe apenas de teimosia sua em querer acreditar que tudo é aquilo que você consegue  ver? E que, sem todo esse medo, seja possível um Universo além do mundo em que vivemos e nos  relacionamos? Onde possamos realizar muito mais do que ousamos querer? O medo do medo é, na maioria das vezes, mais forte que o próprio medo do Continue lendo

Por que sentir medo é um bom sinal

Por que sentir medo é um bom sinal

menos de 1 minuto O medo aparece quando? Quando nos sentimos inseguros. Quando nos sentimos inseguros? Quando saímos de uma zona de conforto. Quando saímos de uma zona de conforto? Quando apesar de confortáveis não nos sentimos bem (ou somos empurrados para isso). Quando não nos sentimos bem? Quando o nosso meio exterior não condiz com o nosso meio interior. Quando somos empurrados pra isso? Quando perdemos algo que nos mantinha seguros. Qual a solução? MUDAR O que mudar gera? MEDO Então o medo Continue lendo

Eu, mãe solo de três, puérpera, longe da família e feliz

Eu, mãe solo de três, puérpera, longe da família e feliz

14 minutos Por conta de tantas indagações e pedidos de conversa é que decidi explanar um pouco mais sobre minha condição e sobre as minhas conclusões e escolhas de mãe solo de três, que vive longe da família de origem. Quase todas às vezes que saio com meus três filhos, ouço frases do tipo: “Os três são seus? Como você consegue?” “Eu não conseguiria, já sofro com um!” “Meus Deus, que escadinha!” “Ah, mas é bom porque cresce tudo junto né?” “Agora parou né? Continue lendo

Porque é bom ter inveja

Porque é bom ter inveja

menos de 1 minuto Mesmo que você não se considere uma pessoa invejosa, em algum momento da sua vida você já deve ter sentido  inveja de alguém, não é verdade? Bom, mas pode ser que não, pode ser que você faça parte da minoria que já desapegou desse sentimento e esse artigo não é pra você. Por outro lado, se você já caiu em tentação, e já se pegou desgostoso pelo bem alheio (“por que não eu?!”) não se aflija, agradeça. Sim, porque embora Continue lendo